Sunday, 9 September 2012

AMOR E HORROR NAS GUERRAS, PAPA E MARTY.


Em janeiro deste ano visitei Havana.E fui ver a finca onde morava Hemingway. Muito  bem cuidada, cheia de objetos do escritor e ate o famoso barco dele de pesca estava lá.

E lia muito Hemingway desde meus tempos de juventude na Eslovénia. Inclusive porque Adeus as armas se passa na fronteira esloveno-italiana  no rio lindo, cristalino, Soča ou Isonzo.

Mas meu autor preferido ainda é John dos Passos,"Dos" com sua trilogia sobre Amerika, como  nos da Europa do Leste ( Kafka tambem escreveu um livro com este nome e grafia) chamamos Estados Unidos.

E assim encontrei eles num filme chamado Hemingway e  Martha Gellhorn.A história de amor do Papa e Marty ( Nicole Kidman) passa por acontecimentos e personagens  da história  como Dos e Robert Capra entre outros como o jornalista russo Koltsov que posteriormente é morto pelo Stalin.

O filme que tem ate Rodrigo Santoro e algumas cenas de sexo bem picantes além da estoria  dos dois, é uma passagem pela história e literatura imperdível. Gellhorn coloca perante os nossos olhos as perguntas sobre o horror de guerra como poucas pessoas colocam.Foi a guerra espanhola e a visita a Dachau ( ela foi correspondente de guerra  que cobriu todos os conflitos desde guerra espanhola ate guerra de Bósnia )que mais a horrorizaram. Pudera. 

Ficam as perguntas nao respondidas sobre a guerra espanhola, porque o mundo que venceu nazismo e fascismo deixou  Franco e Salazar dominar numa Europa democrática  os seus paises. E porque tanto terror e horror.Até nos dias de hoje.

No comments:

Post a Comment