Sunday, 17 July 2016

DA CONFIANÇA EM GOVERNO

DA CONFIANÇA EM GOVERNO

Um dos maiores divertimentos das pessoas na área empresarial é ler o noticiário que interpreta as pesquisas de opinião pública. A confiança dos empresários aumentos cinco pontos. O índice de rejeição do presidente diminuiu dez pontos. A popularidade do governo está melhorando. E mais: essas pesquisas na sua maioria são financiadas pelos cofres dos empresários, notadamente as entidades representativas da indústria e dos transportes. E você faz a pergunta: com a situação da melhorando, as pesquisas são teoricamente confiáveis e sérias, mas olhando para o caixa, olhando para as vendas, olhando para os custos, para o aumento da fiscalização e o aumento dos impostos, nada melhorou. Só piorou! Ou, na melhor das hipóteses, ficou igual. Ou você começou exportar de novo, a alternativa ao mercado interno que buzinaram no seu ouvido, e pelo mesmo valor em dólares de janeiro, recebeu em julho 20 % a menos em reais.

Confiar que você atua num país cheio de graça, vasto e onde todos falam a mesma língua e tem a mesma nacionalidade, onde o mercado é de 200 milhões de pessoas, não é confiança, é  umas realidade. Que estamos já há alguns anos passando por uma fase quase interminável de tempestade política, que gerou um desastre econômico, não há duvida alguma. E que a mudança do governo e seus ministros traz certa esperança, também não tem dúvida.

A dúvida que mata, é que a métrica, ou como se pensa e mede resultados , do governo e da empresa, são  diferentes. Governo é governo, seja municipal, seja estadual, seja federal. E a empresa, independentemente da origem do capital, tipo de negócio ou localização, é outra coisa. O governo pode até achar que vai bem. Ou pode nos convencer que está indo bem, no caminho certo. Mas, se o seu negócio, seja fazenda, seja loja, seja indústria, seja serviço, vai bem, só você sabe.

O  seu ir bem depende muito do governo, mas depende muito mais da sua visão e da sua capacidade gerencial. Compreender o ambiente macro econômico é fundamental para o empresário e empreendedor. E aí, entendendo isso, saber como colocar  seu negócio. Definitivamente, confiar seu negócio aos discursos políticos e governamentais é um risco incalculável. Não só no Brasil, em qualquer país do mundo. Você pode ter um negócio que depende essencialmente do governo, mas aí tem que saber os riscos que você corre e as regras, veja Lava Jato, a que você se submete.

Confiar no Brasil e no seu potencial, sim. Confiar, no potencial dos governos lhe proporcionarem melhores condições de negócios, não. E se preparar para transformar sua autoconfiança empresarial em desenvolvimento sustentável do seu negócio, é fundamental. Trabalhar a sua confiança, transformada em resultados através de melhor conhecimento, esse é o caminho. Aí você pode confiar também em governos e políticos.

No comments:

Post a Comment