Wednesday, 3 July 2013

CUIDADO! Voce não esta sendo vigiado!!!!

Das incertezas do mundo
 
O pífio resultado da viagem do Obama ao continente africano  contrasta com a prepotência dos Estados Unidos nas áreas geográficas e políticas. Em sua viagem ao continente de suas raízes, ele simplesmente não empolgou. E ainda trouxe a tiracolo o ex-presidente Bush para a visita à Tanzânia, homenageando as vítimas do terrorismo islâmico. No final, disse com clareza que os Estados Unidos são os verdadeiros amigos dos africanos e que os novos parceiros, entre os quais mencionou China, Turquia e até Brasil, deviam se comportar melhor. Os Estados Unidos acabam de entregar a chave da África aos chineses, uma vez que não têm política nem de parceria, nem de desenvolvimento para o continente. A oferta de programa energético que Obama fez é para vender equipamentos americanos e não para resolver o problema energético do continente.

O fato é que as preocupações norte americanas estão concentradas no Oriente Médio. O Secretário de Estado John Kerry, que acaba de eleger um democrata para seu substituto no Senado (os americanos não conhecem a figura de suplente), passa mais tempo lá do que em qualquer lugar do mundo. Pudera. Além do tradicional conflito palestino, que não desenrola, há o conflito da Síria. Mortes e mais mortes, refugiados e tristeza se fim. A Líbia continua instável e cheia de conflitos. E a primavera árabe do Egito, não se sabe onde vai terminar. As cenas de protestos no país dos faraós são totalmente incompreensíveis para quem não entende do Oriente Médio e muito menos do avanço em várias formas do islamismo no mundo. A sucessão familiar no Qatar, que vai sediar a próxima copa, é só ilusão de ótica no cenário árabe. Sem falar na Turquia, onde nada se acalma.

E como se não bastasse tudo isso, há por outro lado um certo avanço de economia americana, mas com uma perturbação nos mercados financeiros de dar dó. As declarações dos dirigentes do Banco Central, FED, norte americano, confundiram o mercado, balançaram o mundo financeiro, criaram prejuízos para investidores e as turbulências ainda não se acalmaram. Esta parte da história, Obama definitivamente não controla. Wall Street controla a economia americana.

Mas, a conturbação espetacular foi feita por um jovem de 30 anos, Snowdon. Todo mundo sabia do controle total dos Estados Unidos sobre as comunicações do mundo. Este jovem só confirmou. E com o episódio do desvio do avião do presidente da Bolívia, no caminho de Moscou para La Paz, quando o obrigaram a pousar em Viena para verificar se o "traidor" Snowdon  estava a bordo, está claro que a espionagem virou para Estados Unidos, junto com Rússia e China, um direito inalienável acima de qualquer pretensão de soberania nacional. Portanto, talvez os americanos saibam porque acontecem as manifestações no Brasil.

Stefan B. Salej








 

No comments:

Post a Comment